Sim! Nós acreditamos no Axé de Isaac Silva.


Crédito: Zé Takahashi/Fotosite

Lá se foi quase uma semana do SPFW e ainda estamos impactados com o que vimos no desfile da marca Isaac Silva. A moda com real propósito, como manifesto e poder de transformação.

Essa definição se torna mínima em relação a atmosfera vivida naquele dia. Platéia em extase, sentindo-se representada, olhos brilhando, sorrisos dançando no mesmo ritmos do movimento dos corpos ao som de músicas de verdade, para enaltecer A Verdade.

A passarela com diversos padrões de beleza e corpo não teve o apelo lucrativo de um mercado que utiliza o tema democratização da moda como uma mascara para sugar em todos os âmbitos, desde o econômico até a alienação social. Alí era REAL.

Uma coleção totalmente branca como referência à guerra e o luto afro-brasileiro manifestando a triste realidade de um povo que luta todos os dias, com renda richelieu para relembrar que apenas as negras a usava para os seus vestidos, enquanto as rendas francesas eram usadas pelas brancas. Enquanto sentiamos o delicioso cheiro da arruda e da água-de-cheiro borrifada para energizar o ambiente, o desfile tinha a proteção dos búzios bordados em peças bem modeladas e com fluidez espetacular.

Foi uma verdadeira aula de história, diversidade e consciência.


Crédito: Zé Takahashi/Fotosite

0 visualização