Procura por procedimentos estéticos cresce 390% e a blefaroplastia tem sido uma inovação na busca


Procedimento é feito para retirada do excesso de gordura na região das pálpebras para fins estéticos ou melhoria do campo de visão

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), somente no primeiro trimestre de 2022 houve um aumento de 390% dos procedimentos estéticos em relação ao mesmo período do ano anterior, com público entre homens e mulheres e faixa etária entre 25 e 48 anos.

Foto: Higor Lima

Com a ascensão da busca pela beleza natural, a demanda de tais procedimentos que fazem a integração com saúde, tem efeito positivo na autoestima, capaz de minimizar pequenos desconfortos e, consequentemente, valorizando a beleza natural e individual. E você já ouviu falar na blefaroplastia? Essa técnica é um dos procedimentos estéticos faciais mais comumente realizados no mundo, utilizada tanto para fins estéticos quanto por questões de saúde, por meio da retirada do excesso de gordura e pele na região das pálpebras, já que podem atrapalhar o campo de visão de muitas pessoas. Pacientes com olhos cansados, pálpebras caídas, excesso de pele ou olheiras podem se beneficiar com o procedimento, inclusive para os pós-bariátricos. Além de abdômen, coxas e braços, a região dos olhos pode ser afetada pelo excesso de pele após a perda de peso. Segundo o dermatologista e especialista em estética facial Danilo Teixeira, a perda excessiva pode causar flacidez facial intensa, afetando as pálpebras e dando um aspecto mais envelhecido da face: "Com a blefaroplastia procuramos melhorar a qualidade de vida do paciente, seja levantando sua autoestima e o fazendo se sentir bem consigo mesmo ou resolvendo desconfortos presentes no campo de visão", compartilha ele. A blefaroplastia é um procedimento bastante simples com incisões minimamente invasivas, e poderá ser realizado sob o efeito de anestesia local. Pode ser combinada com lasers faciais como fotona 4D, morpheus, liftera, dual deep e BB laser para tratamento de flacidez e rugas ou com preenchimento guiado por ultrassom em outras áreas para melhora do aspecto do rosto caído. O médico recomenda ainda que no pós-operatório é aconselhável fazer uso de compressas frias no local cirúrgico por 03 dias para diminuir o inchaço, além de uso de colírios lubrificantes e pomadas nos locais da incisão por até 02 semanas.

Danilo Teixeira é médico dermatologista, especialista em procedimentos estéticos e pioneiro no preenchimento guiado por ultrassom.

Serviço

Dr. Danilo Teixeira

Contato: (62) 99289-6085

e-mail: danilodermato@yahoo.com.br

0 visualização0 comentário